sábado, 9 de abril de 2011

Desabafo

Gente, não aguento.. vou ter que falar!

 Na verdade, esse post é meio que um desabafo sobre uma situação que (até onde sei) só acontece em Florianópolis mesmo!
 No final de abril vai acontecer o Donna Fashion que, para quem não sabe, é o "SPFW" de Florianópolis... pois bem! Quem conhece um pouquinho da Sophia sabe o quanto ela gosta de "modelar", como ela mesma diz. Acabou de voltar do SPFW e está maravilhada com as passarelas. Ela se encanta com esse mundo, e só dá para entender o quanto isso a satisfaz, quando vemos a afinidade que ela tem com as câmeras, com todo o aparato, enfim... com a moda! Foi depois de um pedido dela e de vê-la tão realizada frente às câmeras, que decidi permitir e apoiar minha filha a fazer aquilo que a deixa feliz e, enquanto algo a fizer feliz, vou estar ao lado dela. Se um dia nada disso mais fizer sentido para ela, se deixar de ficar divertido, vamos, juntas, procurar a felicidade dela onde estiver.
Mas, voltamos ao desabafo:

Como já disse, o Donna Fashion está para acontecer. Soubemos que havia uma marca inscrevendo crianças que gostariam de participar e fomos nos informar. Para participar, é necessário que os pais preencham autorização assinada, com firma reconhecida, certidão de nascimento autenticada em anexo, tudo na mais perfeita ordem... e também é preciso que os pais se dirijam até a loja para COMPRAR o look com o qual a criança irá desfilar! Como assim?????
Para aqueles que já conhecem esta prática, pode até parecer uma coisa normal, sem importância, mas vamos analizar a situação?
Em qualquer lugar do mundo, uma marca promove um desfile para apresentar para seus clientes sua nova coleção. Todo um aparato é montado para que a imprensa esteja presente e coloque na internet, jornais, revistas, etc, etc, a nova coleção, com o fim exclusivo de vender, certo?
Para isso, contrata-se modelos, que cederão sua própria imagem àquela marca. Na maioria dos lugares do mundo, a marca paga a esse modelo pelo direito de utilizar a sua imagem por um determinado período. Em outros lugares, não se paga nada: permuta-se a divulgação da imagem de um modelo pela divulgação do produto daquela marca.
Mas aqui em Florianópolis, o modelo é quem tem que pagar para a marca utilizar a sua imagem! Como é isso?? Então, ao invés de eu "vender" a minha imagem, eu tenho que pagar para uma determinada marca usar a minha imagem para promover o seu produto e, ao utilizar a minha imagem possa vender e vender e vender... às minhas custas? E, assim, ela ganha três vezes:

1. Quando vendeu o look para mim.
2. Quando usou a minha imagem.
3. Quando, através da minha imagem, realizou outras vendas!!!

 Sabem o que é pior? Sophia, como muitas outras filhas e filhos por aí, AMA desfilar. Quer desfilar. E aí eu devo fazer o quê? Sentar com a minha filha de apenas 4 anos e dizer:

_ Olha, minha filha, a mamãe não acha nada ético a prática dessas marcas aqui em Florianópolis, que querem nos vender o direito de desfilar para elas, enquanto elas é quem deveriam nos pagar para utilizar a sua imagem para que outras pessoas possam se espelhar em você e comprar o produto que elas vendem e, assim, fazer com que aquela marca ganhe dinheiro nos lesando, querida!

Ela, com certeza, não entenderia... Sophia, então, vai desfilar...

Mas, será que só eu penso assim, ou tem alguma coisa errada nessa situação?

12 comentários:

  1. Olá, obrigada pela visitinha no blog. Eu adoro o Sophia, parabéns pela linda filha. Com certeza essa mocinha irá te encher de orgulho.
    Bom, em relação ao desabafo, realmente é errado a marca fazer isso, foi como disse, a marca sai ganhando três vezes ou quatro, porque a Sophia vai desfilar.
    Mas se é uma coisa que ela gosta tanto, vale a pena encarar, afinal tudo é um divertimento p/ ela. Mais tarde ela entenderá.
    Um grande beijo,
    Kelly

    ResponderExcluir
  2. Ai que delicia de desabafo minha irmã, ó você sabe o quanto isso está atravessado em minha garganta, a gente com a PinRaw faz tanto pelas crianças, tanto respeito, tanto carinho...enfim..por ELA,por elas, vamos lá..beijo, te amo!

    ResponderExcluir
  3. Oi, que bom que voltou a postar!Obrigada pela visita e carinho lá no blog. Eu acho que vc está coberta de razão e a gente de longe vê o qto a Sophia gosta dessa coisa toda de moda. Acho que as marcas se aproveitam da nossa vontade de realizar o sonho dos filhos ou as vezes das mães e praticam essa exploração descarada. Eu sou mais teimosa, nao cederia, mas como vc já tomou sua decisão e com certeza sabe o que é melhor pra Sophia então fica tranquila, qdo ela estiver bem conhecida e estabilizada no mercado ninguem mais vai poder explorar o trabalho de vcs. Se ela gosta tanto encare como divertimento (e pra isso a gente paga né?).Qdo virar trabalho mesmo tudo vai ser diferente. Sophia é fofíssima, vi a entrevista no Vestido de Rodar e virei mais fã ainda! bjs

    ResponderExcluir
  4. Ju,
    Pior que eu já vi isso acontecer aqui em SP também. É comum.
    As marcas se apoiam justamente nisso: de que a criança quer, a mãe se orgulha, e eles ganham.
    Eu, particularmente, não gosto disso e não pratico na Tomate, mas é mais comum do que você imagina...
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Se analisarmos tudo o que é supostamente infantil, fabricado ou vendido para crianças, veremos muitos exemplos como o seu, sem um pingo de ética, mas explorando a fantasia e a inocência das crianças. Talvez, da próxima vez, seria interessante informar-se sobre a política da marca e, se for como essa, nem levar a Sophia perto para que ela não que ela não veja e sofra se não puder participar.
    Beijo
    Adri

    ResponderExcluir
  6. Ju,
    te entendo plenamente... aqui qd tem o Donna Fashion Iguatemi é assim também, ou pior...porque as clientes da loja tem que comprar o look todo, mas tem modelos de uma certa agencia que ganham pra desfilar para a mesma loja.
    A Bibi tbm se realiza desfilando e procuro fazer tudo que posso para realizar esse sonho dela, mas ela nunca desfilou para esta loja, pois encontro as mesmas roupas da Animê com um valor bem mais baixo em outra loja de fora do shopping.
    Qd ela desfilou para a Jungle, era sem o compromisso de compra, as crianças iam a loja provavam o look e desfilavam, eram fotografadas e filmadas e a publicidade da loja feita. Ela participou e amou.Virou cliente da loja por opção, por ter sido bem atendida e por ter realizado um sonho.
    Beijinhos pra Sophia
    Candi

    ResponderExcluir
  7. Nossa, que delíro dessa marca!!!!

    Mas pensa que ela vai ficar feliz, e quem sabe outra empresa mais ética vê ela desfilando e chama...

    Boa sorte pra ela!!!
    Ela é linda, sou fã...

    Bjinhos

    ResponderExcluir
  8. Sem acompanhar muito, já vi isso acontecer aqui em São Paulo também. Lamentável.Mas oque não tem remédio...leva a Sophia desta vez e não deixa mais. Um dia eles terão vergonha do que fizeram ou não ,né? Mas pelo menos vc não vai passar raiva. Sei o cuidado que tem com sua pequena e o quanto isso deve te aborrecer, mas oque uma mãe não é capaz.
    Bjs querida.

    ResponderExcluir
  9. Ju,
    Não sou dessa área mas gostei do desabafo.A ética deve permear tudo na vida da gente!Beijo com carinho. Seu blog está lindo!

    ResponderExcluir
  10. Ai Ju, tava lendo os outros comentários e tenho certeza que vais tomar a melhor decisão para o bem da linda Sophia. Mas será que não existe nenhuma marca mais ética neste mundo? Aiaiai.

    ResponderExcluir
  11. Como dizer não para alguém que diz...tira foto bota roupa,tira foto bota roupa...

    bjos

    ResponderExcluir
  12. Olá adorei teu blog, lindo mesmo. Parabéns. Fique a vontade para fazer uma visitinha ao nosso “Alto-falante” e seja mais um membro. Você é nosso convidado especial. http://poetarenatodouglas.blogspot.com/.
    Um grande abraço!

    Renato Douglas!

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...